Urano como planeta astrológico

Dois semicírculos (Lua e emoções) unidas por uma cruz (terra, matéria) sob um pequeno círculo (espírito), reconhecendo-se neste símbolo a componente material como unificadora das emoções opostas sobre o espírito.

A rebeldia visionária concentrada pela materialização inovadora isenta de influências que restrinjam a acção revolucionária imediata, sem contudo anular o acompanhamento espiritual na prossecução desses actos transformadores, representa o planeta Urano.

Urano associa-se a acontecimentos que envolvem o imprevisto e o insólito, a sua tarefa primordial consiste na descoberta inusitada assente na inovação e originalidade, rompendo com os limites impostos pelos antigos padrões.

Tudo contesta utilizando condutas irreverentes que o diferenciam sobremaneira dos outros a fim de ultrapassar as restrições impostas pelos procedimentos remotos sentenciados por gerações anteriores. Ser único é o objectivo principal da demanda Uraniana, a sua singularidade perante a massas disformes e inconsequentes.